Negócios

Vidro, sempre atual!

vidro

O vidro é um dos elementos mais antigos produzidos pelo homem. Há pelo menos 07 mil anos o homem domina a técnica de produção deste material e de lá para cá, muita coisa mudou. A tecnologia cada vez mais presente na produção e as diversas opções faz com que cada vez mais o vidro esteja presente nos principais projetos arquitetônicos.

Monica Caparroz, gerente de marketing da Cebrace afirma que a valorização do vidro vai além da segurança. “Nossas pesquisas mostram que o conforto térmico e a eficiência energética agora são cada vez mais essenciais em um projeto, e por isso desenvolvemos vidros que aliam tecnologia de ponta sem abrir mão do design, como os vidros Habitat by Cebrace, que reduzem até 70% do calor e já fazem parte de milhões em metros quadrados residenciais em todo o Brasil”.

E qual o tipo de vidro mais indicado para o seu projeto? 

Vidro temperado: um dos produtos que mais oferece segurança, graças a sua alta resistência a impactos e temperatura. Este tipo de vidro oferece uma ampla variedade de aplicações: portas e fachadas, box de banheiro, vitrines, tampo de mesa, entre outros.

Vidro laminado: também considerado um vidro de segurança, o vidro laminado é composto por duas ou mais placas de vidro, unidas por uma ou mais camadas intermediárias de PVB (polivinil butiral), por esta razão, mais resistente a impactos. Ele ainda tem a importante função de filtrar os raios UV, responsáveis pelo desbotamento de móveis, objetos e peças de arte.

Vidro insulado: também conhecido como vidro duplo, é formado por duas placas de vidro que são unidas por um perfil de alumínio. Com isso, pode trabalhar com diversos vidros idênticos e oferecer então, mais resistência, conforto e segurança.

vidro
Crédito: Divulgação

Vidro serigrafado: este tipo de vidro pode ser um temperado que passa por um processo de serigrafia, que faz com que o produto possa ter diversas cores e texturas. Este produto é muito usado em divisórias, portas, paredes e armários em ambientes internos.

Vidro de proteção solar : podem ser usados em obras comerciais ou residenciais e são feitos por meio de nanotecnologia. A chapa de vidro recebe em sua superfície uma “tatuagem”, que são óxidos metálicos. Depois desse processo, o vidro se torna capaz de controlar a luz e a entrada de calor. A aparência desses vidros pode ser refletiva (espelhada) ou neutra (transparente). Os vidros refletivos são ideais para quem busca privacidade, já que ele diminuiu a visão de fora para dentro do ambiente. Já os vidros neutros são ideais para quem busca integração entre ambientes.

Extra Clear : Cebrace Extra Clear é um dos vidros mais transparentes encontrados no mercado. Diferente do vidro comum, ele não apresenta o tom esverdeado presente na borda, sendo um material extremamente claro. Ele é muito usado na arquitetura, conferindo requinte e sofisticação aos projetos contemporâneos para valorizar acessórios na cor preta ou em outras cores, além de valorizar a transparência de uma forma mais clean e elegante.

vidro
Crédito: Divulgação

Exemplo de Sustentabilidade.

Por conta de sua elegância, o vidro sempre foi ponto de destaque nos projetos arquitetônicos, como no caso deste bangalô de luxo do Felíssimo Exclusive Hotel, em Balneário Camboriú (SC), chamado de “Casa Verde”. Esta suíte de 120m² é totalmente sustentável, com projeto arquitetônico assinado por Jobim Carlevaro.

O hotel investiu em aliar conforto e tecnologia, o que levou à escolha dos vidros de proteção solar Habitat na fachada. O vidro foi aplicado em grandes vãos para colaborar no conforto térmico e na eficiência energética, além de proporcionar uma completa integração com o espaço.

Na hora de desenhar seus projetos, tenha sempre a certeza: vidro nunca sai de moda!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.