Mercado

Maior arranha-céu da América Latina a caminho

arranha-céu

Há alguns anos o Balneário Camboriú se tornou um terreno fértil para grandes empreendimentos e agora está a caminho a construção do maior arranha-céu da América Latina.

O projeto da FG Empreendimentos batizado como Triumph Tower está com seu processo para aprovação de construção encaminhado nos órgãos responsáveis da prefeitura do Balneário Camboriú, inclusive com o pedido de abertura do plantão de vendas e com a maquete do empreendimento já em desenvolvimento.

O projeto construção é para um edifício de 140 andares e cerca de 500 metros de altura. Além de 140 andares, o Triumph Tower terá mais de 130 mil metros quadrados, 233 apartamentos, quatro restaurantes, kart elétrico, área de exposições, área de eventos e espaço de entretenimento. O investimento previsto gira em torno de R$ 330 milhões.

A primeira etapa, que iniciou em 2021, foi concluída no começo do mês com o parecer favorável para construção pela Comissão Especial para Estudo de Impacto de Vizinhança (CEIV) e agora o processo aguarda a análise final da Secretaria de Planejamento Urbano para obter a licença definitiva de construção.

Segundo o parecer, a construtora responsável terá que cumprir uma série de medidas mitigatórias durante a execução da obra, devido aos impactos gerados pelo futuro arranha-céu. O documento prevê também uma espécie de contrapartida financeira do empreendimento para a compensação de futuros impactos, estimados em cerca de R$ 3 milhões – menos de 1% do gasto total esperado.

Conforme o site Skyscraper Center, que integra o Council on Tall Buildings and Urban Habitat, associação mundial que produz levantamentos sobre arranha-céus, o Triumph Tower, se concluído, pode se tornar o segundo maior arranha-céu do planeta em número de pavimentos. Hoje o título fica com o Burj Khalifa, em Dubai, com 163 andares e altura de 828 metros. O atual segundo lugar fica em Xangai, com o Shangai Tower, com 128 andares e altura de 632 metros. Considerando apenas a altura de cerca de 509 metros, o empreendimento seria o maior da América Latina e o 11º prédio mais alto do mundo.

Um grande desafio de engenharia que vamos acompanhar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.