Negócios

Urban Jungle veio para ficar

Urban Jungle

Um dos reflexos da pandemia foi o aumento do interesse das pessoas por ter plantas em seus espaços. Esta reconexão com o meio ambiente veio crescendo e se expandiu pela casa toda, fato que Urban Jungle ( floresta urbana) veio para ficar.

Nesta tendência tudo é passível de se tornar um ponto de paisagismo: paredes, tetos, pilares e não existe mais uma regra sobre isto.

Básico, com charme

Os projetos paisagísticos tendem a buscar a simplicidade. O conceito é criar espaços que parecem ter nascido da natureza, um oásis que não teve a interferência do profissional de paisagismo.

Além disso a funcionalidade também é uma aposta e o jardim, além de valorizar a beleza, deve estar pronto para o uso, como em hortas e pomares integrados com a presença de plantas frutíferas e comestíveis (as famosas PANCs). Mas a seleção de espécies tem como demanda principal a escolha por plantas fáceis de cuidar.

Sustentabilidade

Buscar por plantas regionais, nativas do local é o melhor caminho. Também um elemento fundamental no momento de compor o paisagismo do ambiente com uso de materiais sustentáveis. Lembrando que bons jardins são aqueles que se integram facilmente ao meio ambiente.

 Natureza in home

Com certeza você conhece um pai ou mãe de planta, como está conhecido no mercado os loucos por plantas, que estão sempre buscando novidades e a melhor forma de cuidar de sua pequena floresta.  Esta tendência já reflete no projeto das construtoras que estão valorizando ainda mais a varanda como espaço de descompressão dos proprietários. Alguns destes pequenos espaços até mesmo compartilhados com o home office, trazendo um estilo japendi ao ambiente.

Cor é vida.

A estética Burle Marx, com forte utilização de elementos verdes, agora ganha a companhia de flores tropicais em sua composição com a intenção de ficar mais alegre. Quase uma reação a tudo que estamos vivenciando nos últimos anos.

Biofilia mode on

Impossível não notar algo cada vez mais presente na cidade. Os prédios vêm buscando soluções que atendam cada vez mais incluir espaços verdes em seus projetos. O paisagismo saiu do jardim e alcançou os ares, com projetos cada vez mais ousados.  E o entorno passa a ter também uma valorização maior, com a escolha de espécies que já são típicas da área.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.