Mercado

Petrobras reforma sua sede

Petrobrás

Ícone da arquitetura nacional e da paisagem do Centro do Rio o edifício-sede da Petrobras, localizado na Avenida Chile, vai passar pela primeira reforma completa em quase 50 anos de história. O projeto original que foi liderado pelo arquiteto Roberto Luis Gandolfi se tornou icônico no Centro do Rio de Janeiro e acabou se consolidando como um símbolo da própria companhia, assim como os jardins projetados por Burle Marx.

Conhecido como EDISE, teve o início de suas obras em 1967 e na época precisou do trabalho de 1.500 pessoas para ficar pronto quase uma década mais tarde, em 1974. Agora para a reforma está estimado que no pico das obras, cerca de 1.600 pessoas irão trabalhar no projeto. Segundo a empresa o objetivo é dar lugar a um ambiente moderno, sustentável e com design inclusivo.

Outro ponto de destaque é que a reforma permitirá a integração do prédio ao circuito turístico e cultural da cidade, possibilitando, por exemplo, que os pedestres façam o trajeto do bondinho de Santa Teresa à Catedral Metropolitana passando por dentro da área do edifício, onde haverá espaços de exposições e cafeteria.

Assim, como as grandes cidades do mundo, Rio de Janeiro é mais uma cidade que aposta na valorização de seus prédios históricos para reativar a sua região. O projeto Reviver Centro pretende transformar o bairro tradicionalmente comercial em residencial, depois que a pandemia reduziu o número de escritórios e restaurantes da região.

Para os empregados, o projeto inclui a implantação do modelo de smart-office, em que a ocupação e o gerenciamento dos escritórios é mais eficiente através de soluções tecnológicas como agendamento de salas de reunião e estações de trabalho por aplicativo.

“Nas salas de reunião, serão instaladas paredes escrevíveis e outros recursos que facilitem a aplicação de metodologias ágeis de planejamento”, informou a Petrobras. No térreo do edifício serão montadas pequenas arenas que poderão ser utilizadas para atividades diversas pelos colaboradores.

Além disso, planeja-se a criação de um espaço de coworking para receber startups. “A Petrobras está investindo em projetos inovadores e em novas formas de trabalho para alavancar a colaboração e a experimentação de seu qualificado corpo técnico”, afirmou a empresa.

Ficamos ansiosos pelo resultado!

2 Respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.