Mercado

Energia solar se torna cada vez mais acessível.

Energia solar

Buscando fugir dos altos custos da conta de energia e contando com os benefícios do governo federal, cada vez mais a energia solar ganha mercado no Brasil.

As medidas publicadas no Diário Oficial da União julho do ano passado e com validade até o final de 2021 impulsionou a geração de energia limpa no país. Com ela as placas fotovoltaicas (equipamento utilizado para realizar a conversão da luz do sol em energia elétrica por meio da captação dos raios solares) já tinham um benefício fiscal no âmbito do IPI e ICMS. Sem o imposto de importação aumenta ainda mais o incentivo e isso se traduz em uma redução do custo em 12%.

Por conta disto a indústria de energia solar está radiante. Ela conseguiu bater recordes em 2020, enquanto alguns setores da economia tiveram dificuldades por causa da pandemia. A instalação de painéis solares cresceu 70% no ano passado, gerando 7,5 gigawatts –o que representa quase metade da hidrelétrica de Itaipu. 

Em outubro de 2020, a Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) divulgou um comunicado dizendo que muitos países pretendem diminuir a emissão de carbono na próxima década e, por ser uma fonte de energia renovável (ou seja, que é naturalmente abastecida), a geração solar deve se firmar como a “rainha da eletricidade” graças ao crescimento global de 12% ao ano.

Está tramitando em carácter de urgência na Câmara dos Deputados o projeto de lei 5829/19, que beneficia consumidores que geram a própria energia elétrica, sobretudo a partir de fontes renováveis (solar, eólica, biomassa), e injetam o excedente na rede de distribuição local.

Além disso, as casas do programa federal Casa Verde e Amarela (antigo Minha Casa, Minha Vida) também devem contar com o sistema de energia solar.

Outro ponto é a mudança da matriz energética do Brasil buscando soluções cada vez mais sustentáveis uma vez que a produção de energia por conta das hidrelétricas se torna cada vez mais sensível por questões da variação do clima, alterando a regra de chuvas nos principais reservatórios do país.

Vamos acompanhando!

Resposta

  1. […] a energia é gerada junto ou próximo ao local de consumo, ela não usa as linhas de transmissão e ajuda a desafogá-las, além de reduzir as perdas elétricas e de economizar água dos […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.