Mercado

Dexco está confiante em 2022

Dexco

Estamos chegando ao final do ano e muitas empresas já começam a sinalizar para o mercado suas expectativas. É o caso da Dexco, que está  confiante nos resultados para 2022.

A empresa  não espera que o mercado de construção civil no Brasil tenha forte retração em 2022 diante das incertezas macroeconômicas e da alta dos juros em curso no país.

Executivos da companhia afirmaram que, ao contrário, a demanda pode até crescer, uma vez que o  histórico mostra que ano de eleição é bom para o segmento da Construção Civil por conta do aumento de gasto público.

A Dexco divulgou no final de outubro seus resultados, com um menor volume de vendas em suas principais divisões de negócios no terceiro trimestre, mas reajustes de preços impulsionaram uma alta de 52% no lucro recorrente do período.

Apesar da possível diminuição de novos lançamentos no mercado, a empresa entende que este reflexo só será sentido em 2023 ou 2024.

Até lá  “a enorme carteira” de obras em andamento no país, que demandarão materiais de acabamento, especialidade da Dexco, ao longo de 2022 e 2023. “Tivemos um boom no segmento de luxo. É impressionante o crescimento deste segmento e nestas construções temos uma participação muito maior”, disse Antônio Oliveira, presidente do grupo.

Outro ponto é que a demanda dos mercados externos por produtos de madeira está forte e que a Dexco, que tem investido em aumento de capacidade de produção de várias linhas de produtos, “certamente” terá chance de elevar exportações caso a demanda do mercado interno recue no próximo ano.

Segundo o executivo, os resultados da Dexco em 2022 devem ser similares aos apresentados atualmente pela companhia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.