Mercado

Construção civil deve gerar 150 mil empregos em 2020

Estimativa é da Câmara Brasileira da Indústria da Construção, uma das entidades do setor que preveem maior crescimento neste ano

O setor de construção civil abre o ano de 2020 com perspectivas de crescimento, segundo as principais entidades do segmento. Para a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), o setor deve crescer 3% neste ano. Segundo o presidente José Carlos Martins, isso representa um potencial para criação de 150 mil a 200 mil postos de trabalho formais até dezembro.

Para as entidades, o setor aproveita um melhor momento da economia e consegue apresentar melhora após anos de desempenho ruim.

O Sinduscon (Sindicato da Construção de São Paulo) também estima um crescimento de 3% em 2020. A expectativa era que o PIB (Produto Interno Bruto) da construção brasileira fechasse 2019 com um crescimento de 2% na comparação com 2018, interrompendo uma série de 5 anos de quedas.

Para 2020, a projeção indica que o segmento de autoconstrução e reformas seguirá liderando a recuperação. O setor de edificações residenciais aumentará o ritmo de crescimento, impulsionando o segmento de serviços especializados, enquanto as obras de infraestrutura devem seguir mantendo um ritmo lento de recuperação.

Além disso, o setor fechou 2019 com 580 mil novas moradias construídas e a previsão para 2020 é de entregar ao menos 1 milhão de unidades.

O Programa Minha Casa, Minha Vida, especialmente em sua faixa 1, com famílias que ganham até R$ 1,8 mil e recebem os maiores subsídios, segue sendo o principal enigma para 2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.