Negócios

Conheça algumas dicas para empreender na construção civil

Há boas opções para todos os perfis profissionais e também para o potencial financeiro do empreendedor.

A construção civil oferece muitas oportunidades para empreender. Não necessariamente o negócio pode estar ligado diretamente ao canteiro de obras. Há boas opções para todos os perfis profissionais e também para o potencial financeiro do empreendedor. A oportunidade pode estar em empresas do setor da construção civil em diferentes áreas: limpeza pós-obras, na coleta e reaproveitamento de materiais recicláveis ou em um escritório que domina a ferramenta BIM e oferece consultoria para construtoras pequenas e médias. Existem também franquias, startups, projetos de construção sustentável e vendas online.

Se você busca empreender no setor, veja como se posicionar:

Limpeza pós-obra, coleta e reaproveitamento de materiais recicláveis

Créditos: Divulgação.

Esse serviço não se limita mais a retirar entulhos e resíduos do local da obra que acabou de ser finalizada. Atualmente, é interessante que ele esteja ligado a conceitos de reciclagem e logística reversa. Muitos materiais deixados no pós-obra podem servir de agregados para novos produtos ou retornarem à origem (fabricantes), como são os casos das latas vazias de tinta e os sacos vazios de cimento. Por isso, a limpeza pós-obra pode também estar vinculada com a coleta e a destinação correta dos materiais recolhidos.

 

Projetos e sistemas de construção sustentável

 

Instalar energia solar é mais fácil do que parece, porém é necessário que a instalação seja feita por uma equipe qualificada. Créditos: Divulgação.

O segmento da construção sustentável cresce exponencialmente no Brasil. Sistemas que captam e reaproveitam a água da chuva, utilizam ao máximo a luz solar e geram conforto térmico e acústico para as edificações, estão cada vez mais presentes nos projetos e nas práticas construtivas. A vantagem de atuar no setor da construção sustentável é que ele permite ampla diversificação dos negócios. É possível se especializar em telhados verdes, paredes vivas, painéis solares ou na fabricação de artefatos que atendam aos requisitos das certificações que norteiam esse mercado.

 

Consultoria em tecnologia BIM para pequenas e médias construtoras

Projeto BIM, Hospital Joaçaba (SC). Esse processo facilita a identificação de itens da obra, como tubos e viga. Créditos: Divulgação.

A tecnologia BIM automatiza e compatibiliza processos de construção. Entre as principais virtudes da ferramenta estão: evitar retrabalho, dar precisão ao orçamento da obra e, consequentemente, acelerar a execução do projeto. A ferramenta não se limita a empreendimentos de infraestrutura e pode ser usada em todas as construções que necessitem eliminar incompatibilidades entre sistemas (hidráulicos, elétricos e alvenaria) e projetos (estruturais e arquitetônicos). A tecnologia requer especialização e é um bom nicho para engenheiros civis e arquitetos que estão entrando no mercado de trabalho e buscam empreender.

 

Startups e franquias

 Créditos: Divulgação.

Na construção civil, as startups são conhecidas como construtechs. São empresas que oferecem algum tipo de inovação para processos construtivos. Projeções estimam que até 2050 elas influenciarão todas as etapas da obra: do projeto ao processo de compras entre fornecedores e construtores, passando pelo canteiro de obras, segurança no trabalho e gestão da manutenção predial. Atualmente, as que se projetam no mercado nacional estão ligadas a mapeamento e inspeção por meio de drones, construção modular e softwares para projetos e gestão de obra. Já as franquias mais bem-sucedidas dentro da cadeia da construção civil são as relacionadas com reformas. Mas começam a surgir oportunidades relacionadas a sistemas construtivos.

 

 

Fonte: Sebrae

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *