Mercado

As vantagens de construir através do light wood frame

Sistema industrializado se baseia no uso de paredes estruturais de madeira pré-montadas.

Em busca de novas tecnologias o light wood frame é uma aposta de solução industrializada amplamente utilizada no hemisfério norte para a construção de residências unifamiliares e edifícios com até cinco pavimentos.

No Brasil, embora ainda seja visto como um sistema inovador, é crescente o número de aplicações, sobretudo para a construção de casas e sobrados de diferentes padrões.

A tecnologia se baseia no uso de frames de madeira extraída de florestas plantadas e submetida a tratamentos químicos e em autoclave para evitar ataques de organismos xilófagos.

Conceito

Casa em Wood Frame. Créditos: Divulgação.

A estrutura de wood frame é composta por perfis de madeira (geralmente pinus) que em conjunto com as placas de OSB formam painéis capazes de suportar às cargas incidentes. Os frames são montados em pátios fabris e saem para o canteiro com as instalações e janelas já embutidas. “As estruturas são dimensionadas considerando os painéis de parede e de piso formando plataformas independentes, andar por andar”, diz o engenheiro Guilherme Corrêa Stamato,  fundador da Stamade.

O interesse das construtoras pelo wood frame se explica, principalmente, pela velocidade de execução proporcionada. A produtividade de uma obra com frames leves de madeira depende do nível de industrialização incorporada ao sistema. Mas é factível a construção de uma casa completa de 200 m² em apenas 60 dias. Tal ritmo se deve, em grande parte, à otimização da gestão da produção, que possibilita que diferentes atividades sejam executadas ao mesmo tempo, e à pouca interferência das condições climáticas no decorrer da obra.

Segundo Rodrigo Penha, superintendente de obras da HM, outro benefício da técnica é a oportunidade de especialização oferecida aos trabalhadores. “Como se trata de um processo industrial, o wood frame permite aos nossos profissionais desempenhar um papel muito mais especializado”, explica ele, ressaltando que oferecer uma especialização contribui para maior motivação dos empregados.

Baixo Impacto Ambiental

Casa modelo Wood Frame, toda a estrutura é feita de madeira autoclavada. Créditos: Divulgação.

Por ter estanqueidade térmica superior às construções em alvenaria, as casas de wood frame geram grande economia de energia, reduzindo a demanda para aquecimento ou refrigeração dos ambientes

Outro ponto a favor do wood frame é a menor taxa de desperdício. Para se ter uma ideia, na construção de um condomínio com 76 casas de 89 m² em Extrema (MG), a HM tem obtido redução de até 85% na geração de resíduos e de até 90% no consumo de água, em comparação com os sistemas construtivos convencionais, com concreto e alvenaria.

A sustentabilidade das construções em madeira é bastante presente. Ela começa nos materiais utilizados para a construção das paredes e piso, que têm origem em reflorestamento, ou seja, sequestram carbono e são renováveis. “Além disso, por ter estanqueidade térmica superior às construções em alvenaria, as casas de wood frame geram grande economia de energia, reduzindo a demanda para aquecimento ou refrigeração dos ambientes”, comenta Stamato.

Ele lembra que as construções em wood frame atendem aos critérios da Norma de Desempenho em Edificações, a ABNT NBR 15.575:2013. “Se fizermos uma comparação com uma construção em alvenaria executada com todas as melhorias necessárias para atender essa norma, acredito que as construções em wood frame sejam de 5 a 10% mais econômicas”, compara Stamato.

O conforto termoacústico de uma construção em wood frame pode ser graduado com menores espessuras de paredes, em comparação à alvenaria. De acordo com a necessidade, é possível incluir isolantes térmicos e acústicos (lã de vidro, lã de rocha etc.), barreiras de radiação solar e barreiras de umidade em paredes externas e internas, forros e telhados.

Se fizermos uma comparação com uma construção em alvenaria executada com todas as melhorias necessárias para atender essa norma, acredito que as construções em wood frame sejam de 5 a 10% mais econômicas

NORMA TÉCNICA

No momento, há um projeto de norma em desenvolvimento já escrito e discutido por um grupo de especialistas, empresas e pesquisadores. Enquanto o texto não é submetido a consulta pública pela ABNT, o dimensionamento e a execução podem utilizar as normas brasileiras de projeto de estruturas de madeira (ABNT NBR 7190) complementada pelos conceitos do Eurocode 5 (EN 1995-1-1).

Fonte Site AecWeb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *